Ainda hesita em viajar só a Paris?

Queridos leitores, apresento-lhes a Dra. Carlane Gomes de Sá, uma queridíssima cliente da Paris-Sensacional, mulher batalhadora que não hesitou um minuto sequer a viajar só. Óbvio que veio programando a viagem há meses para não se deparar com situações desconfortáveis. Ela ficou 30 dias em Paris. Hospedou-se na Grande Paris para poupar na hospedagem – afinal, só voltava para tomar banho e dormir – e dessa forma gastar mais nos passeios e bate/volta que fizemos. A Dra. Carlane nos conheceu a través das redes sociais. Entrou em contato e fizemos um roteiro totalmente personalizado.

Ao longo desses 4 anos no ramo do turismo, parei de contar as inúmeras vezes que ouvi dizer, “Tania, estou com medo de viajar só a Paris”. Motivo pelo qual estou escrevendo hoje à respeito.

Viajar só a Paris

  • Primeiro: Não tenha medo. Paris é uma cidade super segura, tanto de dia quanto à noite. Basta passear com uma doleira debaixo da calça com seu dinheiro e passaporte. Na verdade, não é nem necessário andar com seu passaporte. Pode muito bem deixá-lo no cofre do seu hotel e levar apenas uma cópia, a não ser que pretenda fazer compras acima de 175€ por loja e queira fazer o Tax Free. E se você ainda não leu nosso artigo sobre Vou à Paris, do que preciso? então lhe aconselho que leia 😉
  • Segundo: Não espere por ninguém, não perca seu tempo pensando que um dia alguém decidirá viajar com você. Viajar só é uma delícia porque ninguém lhe incomoda. Você faz o que quer e não o que o outro quer.
  • Terceiro: Compre um chip de celular local. Sempre compro o da Orange para os nossos clientes porque é válido por 14 dias na Europa toda e funciona MUITO bem. Ele possui 10 Gb de internet. Desta forma, você poderá se comunicar conosco em caso de emergência e sobretudo se localizar nas horas vagas.
  • Quarto: Baixe um aplicativo para lhe ensinar as palavras básicas de Francês. Afinal os parisienses AMAM os brasileiros. Basta dizer “Bonjour, je suis brésilien.nne et je ne parle pas français” e partir para o inglês. “Tania, não sei falar inglês”. Também não tem problema, pois os franceses estudam espanhol na escola, então, na sua grande maioria, eles conseguem desenrolar o idioma.
  • Quinta: Escolha um hotel bem localizado e não isolado. Se precisar de ajuda para escolher seu hotel, estamos à sua disposição.
  • Sexto: Baixe o aplicativo para se locomover de metrô, trem e ônibus em Paris.
  • Sétimo: Se estiver perdido, pegue um Uber. É super seguro e vocês brasileiros podem pagar em dinheiro.

Solução para não passear só

A Dra. Carlane, além de um ensaio fotográfico, optou por alguns passeios privativos para um maior conforto e não precisar abrir mão de lugares fora dos padrões turísticos, mas também escolheu passeios em pequeno grupo como o tour de Paris, a visita guiada do museu do Louvre e o passeio a Versalhes, todos com guia oficial falando português. A Paris-Sensacional propõe passeios em pequenos grupos (grupos de no máximo 7 pessoas composto pela agência) para aliviar o bolso dos turistas e não ter que pagar o valor privativo do passeio. Ao participar desses passeios, você fará também novas amizades, já que nossa agência é dedicada aos brasileiros na França. Abaixo encontrará fotos de alguns dos inúmeros bate/volta (Rouen, a cidade da Joana D’Arc e Amsterdã) que fizemos com a Dra. Carlane.

Está esperando o que? Faça como a Carlane, compra logo suas passagens! Esperamos por você de braços abertos.

10 Comments

  1. Que maravilha reviver toda essa inesquecível viagem!! Sim é possível viajar sozinha sem percalços e sem problemas, basta que para isso façam uma programação e estejam com profissionais como Tânia Matias ( Paris-Sensacional) que além de excelente, educada e competente , nos oferece uma Paris como os parisienses vivem !! Foram dias , momentos indescritíveis…! Querem saber mais !!? Tenho muito pra contar !! 🙋❤️🇫🇷🎉🎉🎉🎉

  2. Gostaria de ter mais informações.
    Conheço bem Paris e algumas regiões
    Mas estou interessada no interior e roteiros temático
    Neia Schor

    1. Obrigada pelo comentário Sandra 🙂
      Fica a vontade para compartilhar com seus amigos ou familiares apaixonados por Paris.
      Beijos

Deixe uma resposta para Tania Matias Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *